Assembleia Legislativa de MT é pioneira no país a oferecer curso técnico para agentes de saúde

Publicado em 11/04/2021 21h30

Profissionais com papel fundamental na estratégia da saúde da família, os Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes de Combate a Endemias (ACE) de Mato Grosso estão tendo a oportunidade de adquirir gratuitamente mais conhecimento e capacitação, através do curso de formação profissional técnico em Agente Comunitário de Saúde (TACS).

Promovido pela Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) para cerca de 1.200 profissionais, com abrangência nos 141 municípios, o curso é pioneiro na modalidade de formação técnica oferecida por uma câmara estadual, representante do povo. A observação é do relator da Câmara Setorial Temática (CST) que trata sobre o tema na ALMT, Carlos Eduardo Santos.

“Somos a única unidade da Federação que promove esse curso, por meio da Assembleia Legislativa. O curso existe nas instituições privadas, mas o pioneirismo em oferecer um curso dessa qualidade, com reconhecimento do Ministério da Educação, de forma totalmente gratuita no país, é de Mato Grosso”, enfatiza Carlos.

O empenho para que o curso, executado pelo Instituto Brasil Adentro (IBA), tomasse forma no Estado se deve aos esforços realizados pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Max Russi, que também preside a CST dos agentes. Russi foi um dos primeiros prefeitos a efetivar a categoria em seu município de origem, Jaciara e, posteriormente, como secretário de Estado, também incluiu os agentes em um programa de ajustamento social.

“O deputado Max Russi está à frente do projeto que não exige sobrecarga financeira a nenhum dos envolvidos, inclusive, às Prefeituras Municipais que recebem o curso e também não há nenhum gasto”, frisa o relator da CST.

As Prefeituras dos municípios polos de Alta Floresta, Barra do Garças, Cáceres, Campo Verde, Confresa, Cuiabá, Rondonópolis, Sorriso, Tangará da Serra e Várzea Grande dão apoio ao projeto, assim como as Secretarias de Saúde e os Sindicatos das categorias contempladas com a qualificação.

Sobre o Curso

A capacitação no formato de Ensino à Distância (on-line) é voltada exclusivamente para Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes de Combate a Endemias (ACE) que possuem ensino médio completo e atuam no estado, mediante comprovação. Os participantes têm direito a material didático digital e impresso, apoio pedagógico com tutores on-line e presencial, além de atividades práticas.

O curso teve início em fevereiro desse ano e ao final, previsto para novembro de 2021, o participante terá uma cerimônia de formatura e diploma do curso técnico reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC).

Fotos: Divulgação

Informações à imprensa: 
Luciane Mildenberger
(65) 99971-1825